1º Encontro Estadual das Comunidades e Povos Tradicionais de Rondônia

Companheiras e companheiros;

Nos dias 16, 17 e 18 de fevereiro, em Porto Velho/RO, ocorreu o 1º Encontro Estadual das Comunidades e Povos Tradicionais de Rondônia. Participei da atividade, representando o Projeto Brasil Local (Senaes); contribuindo no tema da Economia Solidária e do Etnodesenvolvimento. Além da riqueza das discussões, dois pontos foram chave na atividade: 1) a elaboração da Carta de Rondônia (em anexo) e a constituição de uma coordenação estadual. Na Carta, a Economia Solidária e Etnodesenvolvimento foram incluídos enquanto eixos centrais na política de desenvolvimento sustentável para estas populações. 

Saudações solidárias

Quêner Chaves

 

Veja na página de notícias.

O Retorno ao Território

…”o território habitado cria novas sinergias e acaba por impor, ao mundo, uma revanche. Seu papel ativo faz-nos pensar no início da História, ainda que nada seja como antes.

Daí essa metáfora do retorno.

O território são formas, mas o território usado são objetos e ações, sinônimo de espaço humano, espaço habitado. É o uso do território, e não o território em si mesmo, que faz dele objeto da  análise social.

Trata-se de uma forma impura, um híbrido, uma noção que, por isso mesmo, carece de constante revisão histórica.

Seu entendimento é, pois, fundamental para afastar o risco de alienação, o risco da perda do sentido da existência individual e coletiva, o risco de renúncia ao futuro.

Em uma palavra: caminhamos, ao longo dos séculos, da antiga comunhão individual dos lugares com o Universo à comunhão hoje global: a interdependência universal dos lugares é a nova realidade do território.”

Milton Santos- Espaço Cidadão